Batom vermelho e roupa curta não são sinônimos de piriguete e prostituta

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Deixa pra lá, e só sorria, viva, ame e se relacione.

Batom vermelho e roupa curta não são sinônimos de periguete e prostituta. A nossa sociedade está cheia de defeitos, e defeitos feios, ofensivos e machistas. Fala sério, em pleno século XXI as mulheres precisam se preocupar com a roupa que vão vestir, com a maquiagem que vão usar? Fala sério, mesmo?

Querida, se você dá ouvidos ao absurdo de que mulher com roupa curta é piriguete ou prostituta. Você para, porque você está muito errada e a sociedade inteira enganada. Se você escuta alguém falando para você tirar o batom vermelho da boca, argumentando que isso não é coisa de menina direita. Quer saber: tira o batom da bolsa e passa mais. Passa mais até deixar um borrão inteiro de um vermelho cintilante. E, ah depois você sorria!

Você não deve se importar, não deve ligar. Acha que está bem assim? Então, saí para rua, você não deve satisfação a ninguém, não dê ouvidos. Só viva, viva do jeito que quer e achar melhor. É teu direito, é o direto de fazer escolhas, de te libertar e usar o tal do livre arbítrio.

Não se apega não ao que dizem, ignora e viva. Usar saia acima do joelho, não faz mal a ninguém. Passar uma maquiagem pesada: muito menos, não faz mal a você e nem para quem está ao seu lado, afinal, os incomodados que se mudem!

A sociedade tem que parar de cuidar da vida dos outros. O mundo seria muito melhor, se as pessoas se importassem em ajudar, em colaborar e em dizer palavras, realmente, sinceras e cheias de amor.

Então, amiga, se não estão fazendo nada por você. Faça por si mesma, viva, dance, cante e grite intensamente. Não se importe com as palavras ofensivas, você é melhor do que essa pessoa que te ofendeu. Aliás, desapega desse tipo de gente. A gente tem direitos de chorar, de sorrir e ser do jeito que a gente quer.

P.s: E daí se usar batom vermelho ou roupa curta fossem coisas de piriguete e prostituta? A vida é tua, e quem manda nela é você! Quem define sua história é só você, e apenas você, meu bem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*
Website